Conheça Poços

Conheça um pouco mais sobre a cidade de Poços de Caldas MG

História

A história de Poços de Caldas começou a ser escrita a partir da descoberta de suas primeiras fontes e nascentes, no século XVII, encontradas no fundo de um vulcão desde 85 milhões de anos atras. As águas raras e com poderes de cura foram responsáveis pela prosperidade do município desde os seus primórdios, quando as terras começaram a ser ocupadas por ex-garimpeiros, desiludidos com o declínio da atividade aurífera na região das minas. Eles passaram a se dedicar sobretudo à criação de gado, sendo obrigados a percorrer longas distâncias em busca de pasto para os animais.

Mas a região onde hoje se situa Poços de Caldas já tinha proprietário. Pertencia, desde 1818, ao capitão José Bernardes Junqueira. Por isso, quando o Senador Joaquim Floriano Godoy declarou de utilidade pública os terrenos junto aos poços de água sulfurosa, determinou também a desapropriação do local. Um expediente que acabou se mostrando desnecessário, porque o próprio capitão se encarregou de doar 96 hectares de suas terras para a fundação do município. O ato foi assinado no dia 6 de novembro de 1872, data em que se comemora o aniversário de Poços de Caldas.

Poços de Caldas em 1870.

Desde 1886, funcionava no município uma casa de banho, utilizada para tratamento de doenças cutâneas. Ela se servia da água sulfurosa e termal da Fonte dos Macacos. Em 1889 foi fundado, por Pedro Sanches, outro estabelecimento para o mesmo fim, captando água da Fonte Pedro Botelho, no local onde está o parque infantil Darcy Vargas. Ali, a água sulfurosa subia até os depósitos por pressão natural. O balneário não existe mais. Em seu lugar foram construídas, no final dos anos 20, as Thermas Antônio Carlos, um dos mais belos prédios do município.

Poços recebeu seu primeiro visitante ilustre, o Imperador Dom Pedro II, em outubro de 1886. Ele esteve na "freguesia", acompanhado da imperatriz dona Teresa Cristina, para a inauguração do Ramal da Estrada de Ferro Mogiana. Três anos depois, em 1889, o município foi desmembrado do distrito de Caldas e elevado à categoria de vila e município. Seu nome tem relação com a história da Família Real Portuguesa. Na época em que foram descobertos os poços de água térmica e sulfurosa e , o município de Caldas da Rainha, em Portugal, já era uma importante terma utilizada para tratamentos e muito frequentada pela família real. Caldas possui o mais antigo hospital termal em funcionamento no mundo, desde o século XVI. Como as fontes eram poços utilizados por animais, veio o nome Poços de Caldas.

A prosperidade e o luxo tiveram seu grande momento em Poços de Caldas enquanto o jogo esteve liberado no Brasil. Pelos salões do Palace Casino e do Palace Hotel desfilava a nata da aristocracia brasileira e até de outros países. O presidente Getúlio Vargas tinha uma suíte especial no hotel, com a mesma decoração da que ele usava no Palácio do Catete, no Rio de Janeiro, então capital do país. O quarto ainda hoje preserva os móveis e o estilo da época. Mas uma das maiores atrações do hotel continua sendo sua piscina térmica, construída num suntuoso salão sustentado por colunas de mármore de carrara.

Dentre os artistas que passaram pelo Palace Casino naquela época áurea incluem-se Sílvio Caldas, Carmem Miranda, Orlando Silva e Carlos Galhardo. Estiveram também em Poços de Caldas personagens ilustres como Rui Barbosa, Santos Dumont, o poeta Olavo Bilac e o romancista João do Rio. Entre os políticos, o interventor de Minas Gerais durante o Estado Novo, Benedito Valadares, e o presidente Juscelino Kubitschek, entre outros, foram também presenças constantes.

A proibição do jogo, em 1946, e a invenção do antibiótico tiveram forte impacto para o turismo no município. O termalismo deixou de ser a maneira mais eficaz de tratar as doenças para as quais era indicado. E os cassinos foram fechados. A economia de Poços sofreu um grande abalo, mas logo encontrou uma alternativa ao entrar no "ciclo da lua-de-mel", quando tornou-se elegante passar as núpcias no município e o turismo conseguiu fôlego para sobreviver. Depois deste período, o perfil do turista que visita Poços mudou. A classe média e grandes grupos passaram a frequentar as termas, a visitar as fontes e outros pontos de atração do município, antes restritos à elite.

Em 2006, o município realizou investimentos para aumentar o fluxo de turistas, explorando outros belos atrativos de que dispõe, para pessoas de todas as idades e gostos, como o turismo ecológico, cultural, de aventura e esportes radicais.

Rodovias

A Principal rodovia da cidade é a BR 459 ligando Poços de Caldas até Paraty (Rio de Janeiro) na Rodovia Rio-Santos BR-101, passando pela Rodovia Presidente Dutra BR 116, principal ligação da cidade com a Rodovia Fernão Dias BR 381. As BR-146 e BR-267 ligam a cidade com o Estado de São Paulo.

Ônibus

A cidade tem 53 linhas ônibus urbanos, que abrange todo o município. Possui linhas inter-municipais que ligam a cidade a São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Brasília, Campinas, Ribeirão Preto, Juiz de Fora, São José do Rio Preto, entre outras, além das cidades vizinhas. A linha Poços-São Paulo (com escala em Campinas) operada pela Viação Cometa, tem ônibus saindo das duas cidades de meia em meia hora. As empresas principais que operam linhas rodoviárias em Poços são: Cometa, rápido Campinas, Rápido D'Oeste, Gardênia, Santa Cruz e Gontijo.

Clima

Duas estações climáticas típicas são mais sentidas ou definidas: o inverno de abril a setembro, com temperaturas mais baixas e menores índices pluviométricos (temperatura média de 15°C e total de 315mm de chuvas) e o verão de Outubro a Março com temperaturas mais elevadas e maiores precipitações (temperatura média de 21°C e total de 1430mm de chuvas). A média pluviométrica anual é de 1745mm e a temperatura média é de 17,6°C. As temperaturas mínima e máxima absolutas registradas foram de -6°C e de 35°C, respectivamente.

A umidade relativa média é de 79%, e o número de dias de chuva de aproximadamente 190. Ocasionalmente ocorrem geadas, principalmente durante os meses de Maio, Junho e Julho.

Os ventos se apresentam como moderados, na direção Nordeste e com velocidade de 10 a 15 km/h. Com a entrada de frentes frias no Planalto a direção dos ventos pode se inverter passando a Sudoeste-Oeste. Chuvas de granizo não são muito comuns na cidade. Uma das mais recentes ocorreu em 12 de julho de 2010. [6]

Shoppings

  • Shopping Poços de Caldas: Inaugurado em 19 de maio de 2005 o Shopping Poços de Caldas atende uma região bastante ampla e com alto poder de consumo - Sul de Minas e Leste Paulista.
  • Shopping Gimbimba: Centro comercial convencional, instalado no antigo cassino Gimbimba, no centro da cidade.
  • Shopping Paço das Aguas: Centro comercial com 30 lojas.

Segurança

  • 18ª Região da Polícia Militar
  • 18º Departamento de Polícia Civil
  • 29ª Batalhão da Polícia Militar
  • 1ª Delegacia Regional de Segurança Publica
  • 18ª Cia PM Ambiental
  • 129ª Cia PM/TM
  • 162ª Cia PM
  • 242ª Cia PM
  • 244ª Cia PM
  • Delegacia de Policia Rodoviaria Federal
  • Delegacia de Policia Rodoviaria Estadual
  • 10ª Cia Ind. Bombeiros Militar
  • Tiro de Guerra 04-021
  • Guarda Municipal
  • Defesa Civil
  • Delegacia da Policia Federal (Implantação anunciada pelo Deputado Federal Geraldo Tadheu)

Poços de Caldas é a segunda cidade com mais de 100.000 habitantes mais segura de MG e a quarta do Brasil.

Comunicação

Jornais

  • Jornal da Mantiqueira
  • Jornal da Cidade
  • Jornal de Poços
  • Jornal Folha Popular
  • Jornal Brand News

Rádios

  • Rádio Cultura AM (1350khz)
  • Rádio Difusora AM (1250khz)
  • Rádio Jovem Pan FM (104,1mhz)
  • Rádio Libertas FM (99,5mhz)
  • Rádio Novo Tempo FM (97,5mhz)
  • Rádio Record Aleluia FM (96,7mhz)
  • Rádio Comunidade FM (87,9mhz)
  • Rádio Mantiqueira FM (87,9mhz -somente Zona Sul)
  • Rádio Nativa FM (94,9mhz)

Tv

  • EPTV Sul de Minas
  • TV Poços
  • TV Plan

Educação

O índice de alfabetização é de 94.8%

Universidades

Públicas

Privadas

Centros tecnológicos


Saúde

  • Hospital Santa Casa de Misericórdia
  • Hospital Pedro Sanches
  • Hospital Santa Lúcia/Hospital do Coração
  • Hospital Unimed
  • Hospital Margarita Moralles
  • Hospital CEPE
  • Hospital Gilberto Mattos (Zona Leste)
  • Hospital São Luiz
  • Hospital São Domingos
  • Hospital dos olhos - Instituto Donato
  • Hospital do Cancer (em construção)
  • Hospital Climepe (em construção)
  • Hospital AACD
  • Hemominas (Banco de Sangue)
  • Policlínica Dr. José Ayres de Paiva
  • DIMEN Medicina Nuclear
  • Instituto Regional de Radioterapia
  • Instituto Regional de Neurologia


Além, a cidade possui inúmeras clinicas e institutos renomados e com alta tecnologia sendo referencia em saúde no Sul de Minas e Leste Paulista.

Qualidade de vida

O município possui o melhor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do Estado de Minas Gerais (0,841).

Turismo

Parte considerável das atividades econômicas do município gira em torno do turismo, graças à fama de suas fontes de águas minerais usadas em diversas terapias. Por estar a 260 km do município de São Paulo e a 169 km de Campinas (às quais se liga por estradas em boa parte de pista dupla) e ainda a 468 km de Belo Horizonte e 470 km do município de Rio de Janeiro, o fluxo de turistas oriundos destes grandes centros é expressivo, e ajuda a movimentar o comércio local e ainda a produção de doces artesanais e de objetos decorativos em vidro fundido que lembram os de Murano, na Itália.

O município de Poços de Caldas foi tema do samba-enredo 2006 da Escola de Samba Beija-flor do Rio de Janeiro.

Como um dos atrativos culturais de Poços de Caldas, temos a Banda Municipal Maestro Azevedo, tombada em 2005 como patrimônio artístico cultural do município, a banda faz suas apresentações dominicais desde o ano de 1914 no Coreto da Praça.

O turismo de eventos também atrai turistas, com destaque para a Sinfonia das Águas, Festa UAI, Feira Nacional do Livro, Flipoços, Julho Fest, Festival Música nas Montanhas, Jazz & Blues Festival e Enaf.

A cidade ainda tem uma sede do Instituto Moreira Salles, onde acontecem exposições artísticas e exibição de filmes com aceitação pela crítica especializada.


:: Informações do Mês :: Dicas :: Links Importantes :: Convênios
SINFONIA DAS ÁGUAS DE POÇOS DE CALDAS
ENAF
FESTA UAI
NATAL ENCANTADO DE POÇOS DE CALDAS
CONGRESSO NACIONAL DE MEIO AMBIENTE
FESTIVAL JULHO FEST
FESTA DO MILHO
FESTAS RESTAURANTE FAZENDA
Curtir o Hotel Modelo no Facebook
FEIRA NACIONAL DO LIVRO
FESTIVAL MÚSICA NAS MONTANHAS
FESTIVAL JAZZ & BLUES
CARNAVAL
APROFEM
SINPRO
SINDIÇU
AAPU - Unicamp
blog skype twitter facebook
Localização central, próximo às Termas, Palace, Relógio floral, Urca
Rua Doutor Francisco Faria Lobato, 55 - Poços de Caldas - MG - Email- contato@hotelmodelo.com.br
Estamos atualmente com 308909 visitas.